Um pouco de história

 

Outrora um caminho traçado em 1790 para ligar Vaugirard ao campo da planície de Grenelle, e mais tarde ampliado, esta rua deve o seu nome à Mademoiselle, filha do Duque de Berry que, no dia 2 de setembro de 1827 assistiu, ao lado da Duquesa de Angoulême, sua tia, à colocação da primeira pedra da igreja de São João Batista de Grenelle. Os prolongamentos desta rua que, em 1804, se limitava à seção compreendida entre as ruas Quinault e de La Croix de Nivert, foram decididos em 1844, mas só foram começados no segundo império.

Fonte: Dictionnaire Historique des Rues de Paris de Monsieur Jacques Hillairet, Éditions de Minuit.

Siga-nos no Instagram